Logótipo da Academia das Ciências de Lisboa

ACADEMIA DAS CIÊNCIAS
DE LISBOA

Ciência e Cultura – 50 anos da Conferência de Estocolmo

A Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente Humano, também conhecida por Conferência de Estocolmo, realizada entre 5 e 16 de junho de 1972, constitui um marco fundamental na consciencialização de que as revoluções industrial, científica e tecnológica, associadas à evolução económica e ao aumento da qualidade de vida dos povos, desencadearam também um fenómeno de degradação ambiental à escala global.

Cinquenta anos volvidos, a ciência e a cultura são, em muito, resultado do debate então gerado. Comemorar este meio século de vida torna-se imperativo que a Academia das Ciências de Lisboa (ACL) assume com gosto, propondo-se realizar, nos dias 6 e 7 de junho, um Colóquio intitulado Ciência e cultura 50 anos depois da Conferência de Estocolmo, com a participação de sócios da academia, bem como docentes e investigadores das universidades portuguesas representadas no Conselho de Reitores da Universidades Portuguesas (CRUP).

6 de junho

Manhã (9:45-13h)

Desafios de sustentabilidade 50 anos após a Conferência de Estocolmo – Filipe Duarte Santos (ACL)

O último meio século na cultura da vida – José Tolentino de Mendonça (UCP)

Inteligência artificial e sustentabilidade – Arlindo Oliveira (ULisboa)

Direito e educação para a sustentabilidade – Alexandra Aragão (UCoimbra)

DEBATE

Poluição do Oceano: um problema com soluções – Maria João Bebiano (UAlgarve)

Desafios, oportunidades e bloqueios da governação para a sustentabilidade, num território insular – Susana Prada (UMadeira)

Ordenamento costeiro, dinâmica sedimentar e adaptação às alterações climáticas – Carlos Coelho (UAveiro)

Usos sustentáveis do oceano e dos seus recursos – Helena Calado (UAçores)

DEBATE

Tarde (15h-18h15)

 

Nanotecnologia e sustentabilidade – Paulo Freitas (ACL)

Geoestratégia e sustentabilidade – Marco António Ferreira da Cruz (IUMilitar)

Carvão e sustentabilidade – Manuel João Lemos de Sousa, Cristina Alves Rodrigues (ACL)

Como dar novos usos económicos ao dióxido de carbono e ao metano – João Castro Gomes (UBeira Interior)

DEBATE

Investigação e políticas climáticas em Portugal – Anabela Carvalho (UMinho)

A ciência de dados ao serviço da sustentabilidade – Diana Mendes (ISCTE)

Ética ambiental e aceleração do tempo – Michel Renaud (ACL)

Formação on line e cultura de sustentabilidade – Carla Padrel de Oliveira (UAberta)

DEBATE

7 de junho- Dia Mundial da Segurança Alimentar

Manhã (10h-13h15)

Manipulação genética, biologia de síntese e sustentabilidade – Maria Salomé Pais (ACL)

Sustentabilidade das florestas – Paulo Fernandes (UTAD)

As transformações dos usos da terra – Teresa Pinto Correia (UÉvora)

Comunicação de ciência e sustentabilidade – Ana Sanchez, António Granado (UNova)

DEBATE

À procura da justiça geracional – Maria da Glória Garcia (ACL)

Bio economia circular e sustentabilidade – Isabel Sá Correia (ACL)

Sustentabilidade e federalismo – Viriato Soromenho-Marques (ACL)

A Casa Comum da Humanidade – Paulo Magalhães (UPorto)

DEBATE

 

Link:: https://videoconf-colibri.zoom.us/j/87016440521?pwd=WUJIRDN2WStHQ1AwQmo3c2VydWVWUT09

Data

06 - 07 Jun 2022
Concluídos

Horas

10:00 - 14:00
Shopping Basket